Lar Em Destaque Ansiedade: Especialista dá dicas para ajudar a controlar crises
Em DestaqueSaúde +

Ansiedade: Especialista dá dicas para ajudar a controlar crises

De acordo com a OMS – Organização Mundial da Saúde – o Brasil é o país com o maior número de pessoas sofrendo de ansiedade no mundo, com cerca de 9,3% dos brasileiros com o problema.

A ansiedade adaptativa propicia o indivíduo a tomar as medidas necessárias para sua sobrevivência, porém quando excessiva, torna-se uma patologia. Pode se manifestar com preocupação constante, inquietação e medo desproporcional, prejudicando a concentração e sono. Fisicamente, desencadeia sintomas como palpitações, sudorese, tremores e problemas gastrointestinais.

O tratamento de ansiedade

De acordo com o psiquiatra especialista em ansiedade Dr. Flávio H.Nascimento – autor do estudo “Mecanismo da ansiedade e do medo; relação com o indivíduo”, realizado em parceria com o Pós PhD em neurociências, Dr. Fabiano de Abreu Agrela, e publicado na revista científica Caderno Pedagógico, que analisa aspectos do seu método comprovado para abordagem de ansiedade – a doença precisa de uma abordagem humanizada.

“A ansiedade é um problema muito particular, muitas vezes relacionada a eventos e ambientes específicos como gatilho para as crises, por isso, é preciso adequar o seu tratamento de forma personalizada para evitar a extensão desnecessária do tratamento, tornando-o mais direcionado e eficaz”, afirma.

“Tratamentos como a terapia cognitivo-comportamental, a psicoconstrução, a estimulação magnética transcraniana e até mesmo uso de realidade virtual podem ajudar na remissão da doença, como estudado no método”, explica Dr. Flávio H.Nascimento.

Prevenção de ansiedade

No entanto, existem alguns cuidados simples que podem ajudar a prevenir ou moderar crises de ansiedade que podem trazer ápices dos sintomas no dia a dia, afirma Dr. Flávio H.Nascimento.

“Uma crise de ansiedade é um episódio intenso e abrupto de sintomas como palpitações, sudorese, falta de ar, tremores e medo irracional, a partir de um estado calmo ou desencadeada por situações estressantes, e pode ser debilitante, afetando gravemente a saúde da pessoa”.

Diversos famosos já relataram sofrer com crises de ansiedade, como Wesley Safadão, Preta Gil, Giovanna Ewbank, Mel Maia e a cantora Lexa.

Sono de qualidade

“O sono de qualidade é essencial para regular os níveis de ansiedade. A privação de sono afeta negativamente a função cognitiva e emocional, tornando mais difícil lidar com o estresse”.

Meditação

“Práticas de atenção plena e meditação comprovadamente ajudam a focar no presente, diminuindo preocupações sobre o futuro e reduzem sintomas de ansiedade”, afirma Dr. Flávio H. Nascimento.

Lazer

“Momentos de lazer são importantes para melhorar sintomas de ansiedade. Direcionar seus pensamentos em determinados momentos para outras atividades que promovam mais relaxamento ajudam no controle da doença”.

Acompanhamento profissional

“A realização de terapia ou, em alguns casos, administração de medicamentos são importantes para a recuperação plena, controle de sintomas e melhora da qualidade de vida, por isso, é fundamental que pacientes com crises de ansiedade procurem ajuda profissional”, ressalta Dr. Flávio H. Nascimento.

Sobre Dr. Flávio H. Nascimento

Dr. Flávio Henrique é formado em medicina pela UFCG, com residência médica em psiquiatria pela UFPI e mais de 10 anos de experiência na área de psiquiatria. Diagnosticado com superdotação, tem 131 pontos de QI o que equivale a 98 de percentil e é membro do CPAH – Centro de Pesquisa e Análises Heráclito como pesquisador auxiliar.

Artigos relacionados

Em DestaqueMundo

1º feira de “carros voadores” da América Latina será realizada neste mês em São Paulo

Expo eVTOL 2024 terá eVTOLs, os veículos elétricos de decolagem e pouso...

Saúde +

Descubra as vantagens de fazer cirurgias plásticas no inverno

Dr. Bora Kostic compartilha motivos pelos quais é melhor optar por realizar...