X Promoções
  • Home
  • Notícias
  • Ambev vai transformar lixo do Carnaval de rua de Belo Horizonte em lixeiras para a cidade
Notícias

Ambev vai transformar lixo do Carnaval de rua de Belo Horizonte em lixeiras para a cidade

Operação em parceria com a ANCAT irá envolver 405 catadores de material reciclável em BH ao longo do feriado. Cerca de 3,8 milhões de foliões que circularão pelos blocos da capital mineira serão impactados

Fevereiro, 2020 – Fevereiro é mês de festa, bebida gelada e Carnaval. Mas essa época do ano perde sua beleza com o lixo deixado nas ruas depois que os blocos passam. Pensando nisso, uma das maiores patrocinadoras do Carnaval de rua, a Ambev se uniu à ANCAT (Associação Nacional de Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis), uma parceira de longa data da companhia, para recolher o lixo dos blocos de Belo Horizonte. Durante os dias oficiais de festa, além do período pós folia, a companhia vai ajudar os foliões mineiros a terem um Carnaval mais limpo. Cerca de 3,8 milhões que circularão pelos blocos da cidade serão impactados. Além de Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Recife também terão ações no Carnaval de rua. Ao todo, 26 milhões de foliões das cinco cidades vão ser impactados.

Com o lixo coletado nos maiores blocos de rua dessas cidades pelos catadores e catadoras mobilizados, a Ambev irá reciclar todo os resíduos coletados e com parte deles irá produzir lixeiras para serem instaladas nessas cidades, deixando um legado positivo e sustentável para os cidadãos após a folia.

“Queremos ter um Carnaval cada vez mais sustentável e também ajudar na conscientização dos foliões. Por isso, decidimos nos unir a parceiros para fazer uma ação inédita de limpeza que vai recolher todo o tipo de material reciclável: vidro, plástico, papelão, latas, mesmo que sejam de marcas concorrentes”, conta Rodrigo Figueiredo, vice-presidente de Sustentabilidade e Suprimentos da Cervejaria Ambev. “A gente sabe que uma única ação não traz todas as soluções de que precisamos. Também temos consciência de que não vamos vencer esse desafio sozinhos; daí a iniciativa de convidar a ANCAT, a MAP, a Boomerang e outros parceiros para se juntarem conosco nessa tarefa, que é de todos nós – empresas, associações, foliões, sociedade e governo”, acrescenta.

Para a ação em Belo Horizonte, serão mobilizados 405 catadores e catadoras de material reciclável, que irão recolher o lixo de seus maiores blocos. Eles receberão uma renda fixa por dia de trabalho, além de remuneração extra pela quantidade e tipo de materiais recolhidos. “Junto com a ANCAT, estamos pensando em uma estrutura para facilitar o trabalho do catador e garantir que o lixo seja recolhido. Por isso, além da remuneração fixa, vamos garantir a compra de todos os materiais a um preço superior ao padrão de venda, já que estaremos mais próximos dos catadores, reduzindo o número de intermediários”, conclui Figueiredo.

Todos os parceiros na coleta receberão EPIs (Equipamento de Proteção Individual), sacos apropriados para coleta e contarão com pontos de apoio com hidratação e banheiros. Todo o lixo reciclável recolhido será encaminhado para uma das 45 centrais de coleta espalhadas estrategicamente pelas cidades. Nas centrais, os materiais serão recebidos, separados e destinados para a reciclagem.

“Nosso trabalho com a Ambev começou há mais de dois anos e essa parceria é muito importante para um mundo mais sustentável e para o desenvolvimento social de milhares de famílias de catadores e catadoras. O que a Ambev está fazendo é muito inovador e grandioso. Vamos fazer história neste Carnaval e ajudar a termos uma festa ainda mais colaborativa, de preferência com outras empresas se juntando a nós nos próximos anos” afirma Roberto Laureano, presidente da ANCAT.

Rumo ao fim da poluição plástica

A ação deste Carnaval vem logo depois de a Ambev anunciar que vai acabar com a poluição plástica de suas embalagens até 2025. Para atingir essa meta, a companhia vai tomar uma série de medidas e criar inovações em parceria com outras empresas e universidades e, neste Carnaval, dá mais um passo rumo a esse objetivo.

“Nós queremos deixar um legado sustentável para a sociedade e entendemos que cada um de nós tem um papel fundamental para isso. É importante que todos os foliões lembrem que cada ação importa e que juntos podemos construir um mundo melhor”, comenta Figueiredo.

Publicações Relacionadas

Começou a Campanha Papai Noel dos Correios

Marcos Rogério

EletroVesp – A novidade no comércio de Vespasiano

Marcos Rogério

Casamento Comunitário

Marcos Rogério